Menu

Vino Veritas

  • English
  • Português
  • 中文

Caldas de Penacova

No vale do rio Mondego, aproximadamente a 1 Km a Nordeste da vila de Penacova e aproximadamente a 0,5 Km de Vila Nova, existem uma série de nascentes de água de excelente qualidade, designadas por "Caldas de Penacova".

Águas de uma cristalinidade invulgar e uma aparência muito convidativa para os visitantes, são muito apreciadas pela população local, que lhes atribui inclusivamente qualidades terapêuticas, confirmadas pela existência em tempos de umas instalações termais, que embora à revelia da lei, eram aconselhadas no tratamento de doenças da pele, doença do aparelho digestivo e do aparelho urinário e que se situavam em frente à povoação de Vila Nova, a 90 metros da margem do rio Mondego.

Em 1972 um relatório médico-hidrológico do Dr. Amaro de Almeida, vem reafirmar as propriedares terapêuticas das Águas das Caldas de Penacova, indicando-as para o tratamento de:

- Doenças da pele: dermatozes de intolerância, eczemas, dermatites de contacto, psoríase e urticária crónica;
- Doenças do aparelho digestivo: discinesia gástrica, sobretudo hipocinética, discinesia biliar, colite átona;
- Doenças do aparelho urinário: cura de diurese (insuficiência renal e lítiase renal).

O mesmo relatório, como resumo, refere: "Não é radioactiva. A sua leveza, como hipossalina e a presença de anidrido carbónico, conferem-lhe o seu lugar como água de mesa, sem desvantagens, ao lado de muitas outras de grande valor comercial." Já em 1971, o Boletim de Análise nº31999 de 21 de julho, elaborado pelo Instituto Superior Técnico, referia que estas águas apresentavam as seguintes características: "Água muito hipossalina com reacção ácida que lhe é conferida pelo apreciável teor de anidrido carbónico livre. Como consequência da sua baixa mineralização, deve possuir propriedades terapêuticas inerentes a este tipo de água." A nossa água é classificada como hipossalina, com reacção ácida e macia, silicatada (classificação de acordo com as normas do Instituo de Hidrologia de Lisboa).